Palavras que Brotam

22 abril, 2009

O rapaz do trapézio...(voa)dor

A génese e filosofia são orientais, embora a paciência não seja uma forte qualidade do...paciente. A avidez com que se engolem degraus, dois a dois, denuncia a chegada em cima da hora e diagnostica que da forma física - apesar de perdida pela já longa paragem - ainda subsistem resquícios, cada vez mais ténues. Tempo agora para retemperar forças e equilibrar yin e yang com vigorosa massagem medicinal, em instável fronteira entre prazer e dor, com maior pendor para a segunda.
A maior calma, à saída do edifício, evidencia progressos musculares e espirituais e permite a apreciação de traços arquitectónicos, pormenores artísticos e resenhas históricas.
Por estes dias, trata-se do trapézio; sem rede, mas com a convicção de que o pior já passou.


Fotos: Ateneu, Lisboa

www.esmtc.pt/

2 Comments:

  • Oi !

    Good post! As promised this weekend my blog will be full of posts ( 2- lol).

    Big kisses
    Absinto

    By Anonymous Anónimo, at 24/4/09 23:55  

  • Absinto,
    Thank's!!
    Pelo que vi, falta um...mas já deve estar a vestir-se :-)

    Bjs

    By Blogger João, at 4/5/09 18:27  

Enviar um comentário

<< Home